Calhou cocó

2 Set

Um, importou um gigantesco cocó de cão para os seus ténis novos. O outro, produziu o seu próprio “cocó artesanal” (tudo biológico e sem recorrer a rabos alheios), armazenou-o nos calções e chamou-me no fim, só para ver a iguaria que ali tinha.

A mim, tudo nesta casa me cheira a merda.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: