Um livro que poderia ser perfeito.

7 Out

Um livro que poderia ser perfeito, tivesse o seu autor tido um pouco mais de atenção às pessoas que resolveu entrevistar. Tem o Herman, o RAP, o Markl, o Nogueira e mais um magote de nomes grandes. Depois tem uma lista bem simpática de nomes da “nova geração”. Depois, se não estou em erro, até tem uma lista de pessoas bem humoradas mas que não querem nada com o mundo da comédia. Logo a seguir, vem uma lista de pessoas sem ponta de piada e que até pagariam para lá não estar.

E depois, acaba.

Isto tudo sem qualquer referência a este nome maior que entregou a sua vida na recepção deste pardieiro que tão bem vos recebe. Para tornar tudo ainda mais doloroso, a primeira coisa que o Nelson Nunes (responsável por esta vergonha) diz quando entra na rádio é: “Eu leio o teu blog…“.

Claro que não lê. Foi só simpático. Se lesse mesmo era impossível não me ter convidado. Não era!??

Enfim. Clicai e escutai, a minha voz no meio de vós.
Palavra do Senhor. Factos.

Senhor Factos. Estão a apanhar!? A ideia é haver aqui um trocadilho com as palavras “voz” e vós”. A palavra é a minha, estão a topar? E o Senhor não é Deus, sou eu. Está boa, não está? Desisto. Caburros.

img_0996

Anúncios

2 Respostas to “Um livro que poderia ser perfeito.”

  1. sofia 09/10/2016 às 18:20 #

    Caburros ahahahhaha

  2. Manuel Nogueira 09/10/2016 às 19:27 #

    Ah, caburros. Humor de bordões. Está bem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: