“O gordo passou-se…”

25 Mar

Foi o que pensou o meu mecânico quando, às 20h30, lhe disse que deixava lá o carro e voltava a pé para casa.

Na verdade, também acho que me precipitei. Mas pelo menos fiquei a saber que bastam 1h17m para vir do Laranjeiro à Estrela. Sempre a pé.

Ora aqui está o tipo de informação que não vos serve para rigorosamente nada. Se não conhecerem minimamente a margem-sul, ui… nesse caso então, isto foi mesmo a maior perda de tempo das vossas vidas. Tempo que tanta falta vos fazia e que jamais poderão recuperar. Lamento.

Enfim, o habitual. Vou jantar.

Anúncios

4 Respostas to ““O gordo passou-se…””

  1. Rita 26/03/2015 às 00:15 #

    Isso tudo porque não apanhaste o autocarro que passa no laranjeiro e sai nas amoreiras. Aprende factos, aprende..

  2. Rita Maria 26/03/2015 às 13:33 #

    Pode-se passar na ponte a pé? Ou é outro Laranjeiro?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: