Fada Madrinha

22 Mar

Ir ver a Cinderela. Perder uma mini máquina-fotográfica, alegadamente, durante o filme. Dar conta disso, umas horas depois. Voltar ao cinema e ouvir: “Pois… não sei se vai ter sorte mas só o poderemos confirmar quando esta sessão terminar“. Esperar uma hora. Ver toda a gente sair e pensar que algum deles levaria a minha máquina no bolso. Continuar à espera daqueles três atrasados que não se levantam enquanto não passa a última letra, da última palavra dos créditos finais. Ter finalmente autorização para entrar na sala. A luz acende-se.

E, sem sequer entrar, vê-la no meio do chão. Ali, em pleno corredor e já com um rapazola a debruçar-se sobre ela, com aquele ar de “ora o que temos nós aqui!?“.

Com licença, é a minha máquina.

Alívio.

Advertisements

8 Respostas to “Fada Madrinha”

  1. eugenia 22/03/2015 às 23:18 #

    E o filme, é bom? 😀

  2. Sandra Marques de Paiva 23/03/2015 às 09:54 #

    Que sorte 🙂

  3. Andreia Martins 23/03/2015 às 15:07 #

    A minha mente é um bocadinho ordinária. Li: Foda mardrinha… ah ah ah ah ah ah

  4. Coruja Amarela 23/03/2015 às 21:25 #

    isso sim, é ter uma ganda sorte

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: