Será este um caso de “pela boca morre o peixe”!??

28 Out

Não que duvidasse do poder da rádio mas, penso que compreenderão, tinha algumas dúvidas sobre a minha passagem pela mesma. Na verdade, ainda tenho mas… caraças… esta noite fui completamente apanhado de surpresa (e o “apanhado”, aqui, é literal).

Cheguei a casa, despachei os meus afazeres (na verdade cumpri todas as indicações de Lady Factos mas gosto de pensar que eram os meus afazeres… dói menos) e fui ver como andava o facebook do pardieiro. Vi que tinha uma mensagem de uma Factosdetreinista e pensei: “Enfim… deve ser mais do mesmo. Deixa lá ver o quão desejado sou e ler a proposta indecente do dia“.

Mas, estranhamente, desta vez não era uma mulher a querer entregar-se loucamente nos meus braços e a implorar para que a levasse ao topo do Olimpo.

A mensagem da… chamemos-lhe Carlota Joaquina… dizia:
Vinha eu a atravessar a Rua XXXXXX, por volta das 8 e meia, quando vejo um casal, com uma filhota pequena e um rebento num carrinho de bebé. Tal facto ter-me-ia passado despercebido, não fosse ouvir uma voz familiar dizer à menina que entrasse para o carro e se sentasse. O meu cérebro levou um ou dois segundos a associar a voz ao seu dono. Olhei, não uma mas duas vezes, estava escuro, não consegui ter uma percepção clara do rosto do mais recente locutor de rádio que conheço. O mundo é pequeno… E, já agora, imaginava-te mais gordo.“.

CUM CAMANDRO!!!! Tal perspicácia nem sequer merecia que fingisse não ser eu. Completamente apanhado.

Mas, Carlota Joaquina, permite-me fazer uns ligeiros ajustes à tua mensagem. Se por um lado, acho demasiado simpático da tua parte referires-te à minha pessoa como “locutor de rádio” (e ofensivo para quem o é), por outro, acho que te comediste na descrição da minha pessoa. Parece-me que o que quiseste dizer foi: “…o meu cérebro demorou meio segundo a mandar um alerta geral para as minhas pernas que, imediatamente, começaram a tremer. O calor tomou conta de mim quando, finalmente, consegui vislumbrar aquele rosto vincado com os traços mais bonitos que jamais havia visto. Apesar da escuridão, subitamente, parecia que o sol estava a nascer em loop… uma aurora boreal constante… a verdadeira maravilha da natureza. O mundo é pequeno quando se está perante a tua silhueta única, desenhada pelos deuses do desejo. E já agora… imaginava-te mais terreno, mais humano. Muito menos divino do que realmente és.“.

Pronto. Para a próxima, conta as coisas como elas realmente são. Ok!?? Váá… sem medos.

IMG_1720.JPG

6 Respostas to “Será este um caso de “pela boca morre o peixe”!??”

  1. Sandra Marques de Paiva 28/10/2014 às 10:24 #

    Nossa 🙂

  2. Leoa Ferrenha 28/10/2014 às 15:32 #

    Desculpo o offtopic mas encontrei a esposa do boneco do seu filho:

    http://cinema.sapo.pt/atualidade/noticias/filme-de-terror-annabelle-retirado-de-salas-de-cinema-em-franca

  3. Caco 28/10/2014 às 17:53 #

    “O Sol a nascer em loop…uma aurora boreal constante.. desenhada pelos deuses do desejo..” Ahahahahahahahahahhaah! Ahahahahahhhahhaha! Ahahahahahhahahah!

    (Haja alguém que me levante do chão)

    Aahahahahahahahhahahahah!!!

  4. paulocapelo 28/10/2014 às 21:06 #

    Ah, pois é!!!
    Foto do reflexo no vidro, depois foto sem cara e agora voz…
    Vais ver o que é que custa a fama 😀 😀

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: