É o quão divertido isto tem sido nos últimos tempos…

26 Maio

Estou numa daquelas fases em que tenho pesadelos com coisas de trabalho. Sempre preocupado com o que está por fazer, com o que devia ser feito e com o que já se fez mas certamente levantará questões. Já para não falar nos momentos em que fico apático a olhar para o horizonte, enquanto imagino que estou a rebentar a cabeça de algumas pessoas com um extintor.

Isto anda de tal forma que esta manhã, dei por mim a invejar o pessoal que está a apanhar sol na porta do Centro de Emprego.

E agora vocês dizem:
Não sejas estúpido Factos! Não digas isso nem a brincar! Chega a ser uma ofensa para os milhares de portugueses que vivem o drama do desemprego e dariam tudo para estar no teu lugar. Antes desesperar com excesso do que com a falta dele. E mais importante ainda, o teu stress garante que no final do mês podes pagar o colégio dos miúdos e as contas da casa. Há muita gente que não pode dar-se a esse luxo! Por isso vê se pensas duas vezes antes de te queixares de uma situação privilegiada e tenta não ser um atrasado mental irresponsável!“.

E eu digo:
Epááááááá… calem-se!!!

Advertisements

6 Respostas to “É o quão divertido isto tem sido nos últimos tempos…”

  1. Capitão Vegetal 26/05/2014 às 14:01 #

    e é também com o que descontas que ALGUNS dos que estão na fila do centro de emprego vão para o café beber minis e dizer que assim é que se está bem.

  2. Jelly Pearl 26/05/2014 às 14:26 #

    Há sapos que se engolem nos trabalhos que nenhum salário ao final do mês compensa. O problema é que no mês seguinte, para além de sapos, temos que engolir comida, pagar a luz… Por isso é que ainda não consegui mandar estas personagens que se dizem gerentes para o traita.

  3. Já fui Espanhola 26/05/2014 às 14:37 #

    Manda tudo cá pra fora homem.. manda que faz bem!

  4. Miss Lu 26/05/2014 às 14:50 #

    Yap! “Não sejas estúpido Factos! Não digas isso, nem a brincar!” (…) 😛

    • Dinada 26/05/2014 às 18:15 #

      “Não sejas estúpido Factos! Não digas isso nem a brincar! Chega a ser uma ofensa para os milhares de portugueses que vivem o drama do desemprego e dariam tudo para estar no teu lugar. Antes desesperar com excesso do que com a falta dele. E mais importante ainda, o teu stress garante que no final do mês podes pagar o colégio dos miúdos e as contas da casa. Há muita gente que não pode dar-se a esse luxo! Por isso vê se pensas duas vezes antes de te queixares de uma situação privilegiada e tenta não ser um atrasado mental irresponsável!“.

      Depois, calei-me.

  5. Adriana 26/05/2014 às 20:04 #

    eu estou contigo Factos!!
    😀

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: