Álbum de família que nunca vi #9 – Isto está a ficar descontrolado…

14 Mar

Os Beatles podem ter vivido tempos de fama e glória mas uma coisa vos digo… uma surpresa como a que eu tive ao abrir o mail, não tiveram de certeza. Em primeiro lugar, porque no tempo deles não havia internet. Em segundo, porque em vez de escreverem estupidez num blog, limitaram-se a fazer umas musiquitas que ficavam no ouvido. E isso, sabemos bem, qualquer um faz.

Decidida a provar que a demência abunda na família Factosdetreinista, a Andreia Rodrigues resolve enviar-me um mail. Não contente, admite perante o mundo que gosta de mim. Pior ainda, regista o momento para a posteridade.

Neste momento, os amigos da Andreia têm provas suficientes para interná-la numa instituição psiquiátrica. E, lamento dizê-lo, com razão. Nada justifica ler mais que dois textos meus e nada supera o embaraço de ser apanhado no pardieiro… assumi-lo desta forma, é caso clínico.

Isto para não falar no efeito colateral que é alimentar um ego insaciável como o meu. Vou ficar impossível de aturar. Melhor, só mesmo se tivesse envolvido alguma nudez…

E agora, o mail da Andreia:

O pardieiro está escancarado. Na verdade… isto nem porta tem. Porque sou irreverente, entrei sem bater. Não estou em Matosinhos. Não tenho sobrenome Fontes. Não fui numa excursão de idosos. Tive o cuidado de fazer esta estupidez a meio da semana e não a uma segunda feira. Não, também não fui de férias, não esperes fotos de Peru ou Bolívia. Não estou em lua de mel, quer dizer, até posso estar, mas em casa, não tem a mesma graça. Não aderi ao acordo ortográfico. O meu nome não vem em latas de refrigerantes, o que não se percebe, Andreia não é de todo um nome de merda, quanto muito aparece numa embalagem de Nutella personalizada.
Não canto. Não tenho umas “fáfás” avantajadas. Não tomo o cogumelo do tempo. O mais longe que fui, foi ali ao lado, Espanha. Por conseguinte, como imaginas também não fui à Disney. Não emigrei nem vivo à grande na Eslováquia, mas nasci na Covilhã e 3 anos depois vim para Coimbra, espero que leves isso em conta. Não me dirigi ao coração da cidade para te presentear com a célebre cabra da Universidade. Tão pouco fui procurar o melhor ângulo da esplanada do bairro ou do jardim a 100 metros. Não gastei papel. Não expressei o meu “I Love Factos”. Não existe pitada de biquini. Não achei necessário sair da minha modesta casa para me lembrar de ti. Por tudo isto se nota, que não tenho grande interesse, por esta altura estarás a pensar que miúda tão “cócó”, mas garanto que os meus níveis de estupidez se mantêm, como comprovas com os meus “telefonemas a casa” diários. Perante tamanha apatia, decidi em jeito de punição (não sei se para mim, se para ti ou se para a restante família) envergar o teu nome na testa.
Fiz-te perder 2 min com isto, mas convenhamos que eu também podia ter escolhido outro programa para este final de tarde. Pronto, era só isto.

20140314-001327.jpg

20140314-001336.jpg

PS: Mais família:
Álbum de família que nunca vi #8
Álbum de família que nunca vi #7.1
Álbum de família que nunca vi #7
Álbum de família que nunca vi #6
Álbum de família que nunca vi #5
Álbum de família que nunca vi #4
Álbum de família que nunca vi #3
Álbum de família que nunca vi #2
Álbum de família que nunca vi #1

 

Anúncios

14 Respostas to “Álbum de família que nunca vi #9 – Isto está a ficar descontrolado…”

  1. caco 14/03/2014 às 00:24 #

    Parabéns Andreia. Agora sou eu que gosto de ti, porra.

    • eugenia 14/03/2014 às 10:08 #

      E eu! 😀 Mas que missiva maravilhosa!

  2. Andreia Rodrigues 14/03/2014 às 00:38 #

    Claramente que não estou bem, mas ter gente na família a concordar, mete-nos todos no mesmo patamar e isso é bonito.
    familía que é família apoiasse
    Habemus falta de juízo 😀

    • Andreia Rodrigues 14/03/2014 às 14:10 #

      *apoia-se (foi o entusiasmo) 🙂

  3. Andreia Rodrigues 14/03/2014 às 00:41 #

    ahahahah Factos que não me aguento, já ri muito com a preparação e realização, mas o teu comentário deixou-me a babar 😀

    • eugenia 14/03/2014 às 10:13 #

      Baba à vontade, porque mais que merecido; e o resto da família subscreve cada palavra, cada vírgula tua (com uma pontinha de inveja até, confesso!, :D, por não ter o teu dom de expressar o amor que DE FACTO nos une (ó pra mim a querer ter graça, mas depois do teu texto…desisto, és a maior! – a seguir ao líder, claro 😀 ). Beijinhos Andreia. Beijinhos, família Factos de Treinista (biológica e esta aqui do pardieiro).

      • Andreia Rodrigues 14/03/2014 às 13:56 #

        Factos Prima Eugenia, também tive umas quantas invejas assim desparatadas, mas nisso foste melhor que eu 😀
        Beijinhos

        • eugenia 17/03/2014 às 11:26 #

          Beijinhos, prima Alexandra 😀

          • Andreia Rodrigues 20/03/2014 às 00:32 #

            ois? 😛

  4. Andreia Rodrigues 14/03/2014 às 13:54 #

    Sempre quero ver qual será a pilita d’ ouro que me será entregue na Gala dos Factos de Ouro

    • eugenia 17/03/2014 às 11:29 #

      Ahahahhaa,Andreia, imparável! Andreia ao palco, JÁ! A pilita a atribuir é algo sobre o qual não gostaria de me pronunciar 😀 😀 Mas vou estar na primeira fila a aplaudir-te de pé e a gritar a plenos pulmões (se não morrer de riso antes…)

      • Andreia Rodrigues 20/03/2014 às 00:30 #

        Factos já podes ir de férias descansado 😀

  5. JCF 14/03/2014 às 15:03 #

    Oh grande Líder… temos candidata ao trono!

  6. Andreia Rodrigues 20/03/2014 às 00:37 #

    Repara Factos como já te tratam, já sentem necessidade de te evidenciar.
    Eu preocupava-me 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: